Prefeito de São Paulo anuncia mudanças para bibliotecas da cidade

O prefeito João Doria e o secretário municipal de Cultura, André Sturm lançaram na última semana o programa Biblioteca Viva, que visa reestruturar os 54 equipamentos públicos  transformando-os em polos culturais. A ideia é promover a capacitação dos profissionais de bibliotecas com objetivo de melhorar as práticas de gestão e aprimorar os serviços oferecidos ao cidadão.

No evento Doria, revelou algumas das mudanças que pretende fazer ao longo de seu mandato, entre elas a forma que são feitas as compras de livros para bibliotecas na cidade, essas mudanças começarão a serem sentidas pela população nos próximos três meses.

As novas propostas do prefeito tem haver com a diminuição de visitantes nas bibliotecas. Em 2016, as bibliotecas de São Paulo receberam 1.080.009 visitas e apenas 641.834 pegaram livros emprestados. Houve queda no número de livros em acervo na comparação com o ano anterior. Se em 2015, as bibliotecas tinham 2.447.226, em 2016, fecharam com 2.249.042, quase 200 mil livros a menos.

Confira as alterações do Biblioteca Viva:

1- Ampliação do horário de atendimento: todas as bibliotecas públicas funcionarão aos domingos, por um período de pelo menos 4 horas;

2 – Wi-fi livre e gratuito em todas as bibliotecas: 19 delas já oferecem o serviço;

3 – Mapeamento do acervo e reformulação da política de aquisição para melhorar a oferta de lançamentos;

4 – Alterar a exposição dos livros de forma que sejam visualizados pelas capas e não mais apenas pelas lombadas;

5 – Programação artística: regularidade na oferta de atividades de diversas linguagens como dança, teatro, música, circo etc. A ideia é transformar a biblioteca em um espaço de uso múltiplo;

6- Novas categorias de organização como humor, amor, literatura policial, ficção científica, fantasia, mangás, etc., que são mais atrativas para o público;

7- Treinamento das equipes que atuam nas bibliotecas públicas por meio de cursos de atualização e atividades culturais para formação;

8- Embaixadores das bibliotecas: autores consagrados que apadrinham as bibliotecas e se envolvem na curadoria de programações literárias;

9- Integração das bibliotecas com os saraus literários, que ocupam uma cena cultural vibrante e poderão circular pelas unidades da rede levando propostas contemporâneas de interação com a literatura.

FontePublishnews

Deixe um comentário

 

A distribuidora de livros Vértice Books atende Bibliotecas de Instituições Públicas e Privadas, Colégios e Empresas com dedicação e profissionalismo buscando a satisfação das necessidades de seus clientes.
O objetivo do blog Vértice Books é levar informações aos bibliotecários com notícias da área de biblioteconomia e afins. Conheça também o SAB - Serviço de Apoio ao Bibliotecário: departamento de atendimento exclusivo às instituições de ensino superior.